• Antônio Jordão

Ganhar dinheiro fazendo o que dá prazer é o sonho de todo mundo, né? E, por muitos anos, Zezé Di Camargo, junto com a sua dupla, Luciano, conseguiu realizá-lo…cantando!
No entanto, nos últimos anos, a rotina de shows causou um impacto negativo na vida do sertanejo. Dar conta da agenda gerou insegurança e infelicidade ao cantor que, aos 58 anos, já não tem o mesmo pique de antes. A revelação foi feita durante o programa Resenha Proibidona, da FM O Dia.

“Eu já não tava tendo muita alegria de cantar. Eu vinha sempre no sacrifício. A voz cansada, não tinha tempo de recuperar. Ficava aquela dúvida na hora de se apresentar. Será que tem voz ou não tem?”, revelou.

Zezé tá morando há pouco mais de 1 ano em sua fazenda, pra onde foi por conta da pandemia. A pausa na correria do dia a dia deu mais confiança e prazer a ele em fazer o que ama. O artista, inclusive, voltou a cantar e está terminando uma produção solo:

“Eu ficava com aquela incerteza, insegurança. Aqui (na fazenda) não. Eu vi que foi (a voz) voltando, foi descansando, fui dormindo… Fiquei 20 dias sem pensar em música e quando eu comecei a cantar eu falei: ‘opa! Ta aí, que bacana’. Eu comecei a ter o prazer novamente de cantar, que é o que eu tô curtindo agora”, contou.

Segundo Zezé, a rotina puxada de shows é coisa do passado:

“A dupla não vai mais voltar nessa correria, não vou voltar mais fazendo 16 shows por mês. Quero programar a minha vida. Estamos com outros projetos”, disse.

Durante o papo, Zezé abriu o coração e contou que, se pudesse voltar no tempo, conduziria sua vida amorosa de forma diferente. Clique AQUI pra ler essa notícia.