• Antônio Jordão

Barões da Pisadinha, Zé Vaqueiro, DJ Ivis são alguns dos destaques do ritmo que vem balançando o Brasil: o piseiro. De norte a sul, o estilo musical vem tomando conta da playlist de geral e Vitor Fernandes, intérprete da música “Acaso” e um dos integrantes desse grupo seleto, bateu um papo com a gente, no Resenha Proibidona.

Para o cantor, o piseiro, que antes era conhecido como pisadinha, veio para ficar:

“(…) não acho que seja um ritmo passageiro porque são músicas com letra, não é apenas o ritmo. Eu tenho uma música chamada “Vou falar que não que não quero” que é linda demais”, contou.

Inclusive, o próprio universo musical já se rendeu ao piseiro. Muitos artistas sertanejos, por exemplo, estão gravando músicas com artistas do gênero. Prova disso é o spoiler que Vitor soltou sobre as parcerias do seu próximo EP:

Eu agora vou gravar um EP (…) e vai ter participação dos meus amigos Diego e Vitor Hugo, também o DJ Ivis (…) eu to feliz demais. Quando falamos com eles, logo toparam!”

Agora, a parada é a seguinte. Ao declarar que o piseiro não é uma onda, pois tem letra, será que ele deu uma cutucada em estilos musicais que estão em baixa? O Axé, por exemplo, sofreu muito com isso, sem carnaval então… Polêmica à vista?