• 31 de março de 2022 às 14:20h, atualizado às 14:38h
  • Clara Oliveira

Filho do ilustre Arlindo Cruz e um dos grandes nomes da nova geração do samba, Arlindinho esteve, durante esta semana, percorrendo a programação da Número Um no “Mais Uma da FM O Dia”, espaço especial na programação da Rádio pra artistas e grupos que estão lançando ou apostando em uma música.

O cantor, compositor e multi-instrumentista aproveita para divulgar sua mais recente música de trabalho, “A Sós”, que já havia sido gravada por ele e pelo pai no projeto ‘2 Arlindos’. “A Sós foi um presente que eu ganhei do Fred Camacho e do Cassiano, um samba que eu gravei com o meu pai, primeiramente, no projeto Dois Arlindos, e como uma homenagem, agora eu gravei uma versão cantando sozinho, nesse álbum novo, que é o “Meu Lugar”, gravado na casa dos meus pais. Essa música tem sido muito importante, e tá indo muito bem nas rodas de samba”, declarou Arlindinho.

Confira o registro:

Na segunda-feira (28/3), o compositor esteve no programa “O Que Tá Rolando”, apresentado pelos locutores Thales Muguet e Van Damme. Na terça (29/03), o bate-papo sobre “A Sós” foi com a locutora Kelly Jorge. Na quarta (30/03), foi a vez de Orelhinha receber o cantor nos estúdios, e, nesta quinta, encerrando o mês de abril e as participações do “Mais Uma da FM O Dia”, Arlindinho participou do programa “Se Liga”, com Alan Oliveira.

Confira a letra de “A Sós”:

A Sós
(Frederico Fagundes Fernandes Camacho / Cassiano Andrade Camarinha)

Chega mais, vem ouvir o que eu vou dizer
Pra mim não é fácil arrepender, declarar
O amor se apossou de mim e assim
Nada mais corrige o coração
Eu sou só emoção pra falar de você
Te quero demais, de repente pode acontecer
E sentir saudade e algo mais
E nós, a sós
Nós dois e mais ninguém
Algoz, feroz
O amor, ai, ainda mata alguém
Vai Arlindinho, chega mais
Canta esse samba bonito aí que eu quero ver
Vou dizer!
Chega mais, vem ouvir o que eu vou dizer
Pra mim não é fácil arrepender, declarar
O amor se apossou de mim e assim
Nada mais corrige o coração
Eu sou só emoção pra falar de você
Te quero demais, de repente pode acontecer
E sentir saudade e algo mais
E nós, a sós
Nós dois e mais ninguém
Algoz, feroz
O amor, ai, ainda mata alguém
E nós, a sós
Nós dois e mais ninguém
Algoz, feroz
O amor, ai, ainda mata alguém
E nós, a sós (E nós, a sós)
Nós dois e mais ninguém
Algoz, feroz (Algoz, feroz)
O amor, ai, ainda mata alguém
E nós, a sós (E nós, a sós)
Nós dois (Nós dois)

Meu Lugar

No ano passado, Arlindinho subiu ao palco do Vivo Rio para a gravação de seu mais recente projeto audiovisual, “Meu Lugar”, em que o cantor contemplou os clássicos e as inseridas em um trabalho que contou com a participação de diversos convidados. Para fechar o ano de 2021 com chave de ouro, ele divulgou o EP “meu Lugar EP01”, que conta com 4 faixas, entre elas a música de trabalho “Onde a Gente se Perdeu”.