• Geizon Paulo

Desfiles das escolas de samba no Carnaval 2021 acontecerá, a princípio, nos dias 11 e 12 de julho. (Reprodução/Instagram)

Apesar de ainda haver muita incerteza sobre a realização do Carnaval em 2021 por causa da pandemia do novo coronavírus, a Liesa, a Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro, já bateu o martelo em relação à ordem dos desfiles do Grupo Especial. Seguindo o calendário estipulado pela Prefeitura da Cidade Maravilhosa, a entidade decidiu nesta segunda-feira (14/12), através de sorteio, a posição que cada escola entrará na Marquês de Sapucaí nos dias 11 e 12 de julho.

A primeira escola a entrar no Sambódromo no primeiro dia de desfiles será a Imperatriz Leopoldinense, seguida por Mangueira, Salgueiro, São Clemente e Beija-Flor de Nilópolis. Já na “nova” segunda-feira de Carnaval, será a vez de Paraíso do Tuiuti, Portela, Mocidade Independente de Padre Miguel, Unidos da Tijuca, Grande Rio e Vila Isabel desfilarem.

Apesar das incertezas para o Carnaval 2021, Liesa definiu a ordem dos desfiles do Grupo Especial. (Reprodução/Internet)

Mesmo com a confirmação da ordem, os desfiles das escolas de samba só acontecerão na data prevista pela prefeitura caso haja uma vacinação em massa em território nacional.

O Rio não está sozinho na decisão de realizar o Carnaval em outra data. São Paulo e Salvador também decidiram por transferir a festa popular para o mês de julho de 2021, por causa das restrições impostas pela pandemia.