• Geizon Paulo

Lexa participou da festa de reabertura da quadra da Unidos da Tijuca (Brazil News/Roberto Filho)

Apaixonada pelo Carnaval desde criança, Lexa aproveitou o domingo (8/11) para matar um pouquinho as saudades do samba. A cantora, que é rainha de bateria da Unidos da Tijuca, fez questão de comparecer ao primeiro evento na quadra da escola, desde que se instalou a pandemia do novo coronavírus.

Usando um vestido dourado com franjas e máscara de proteção combinando com o figurino, Lexa cantou, sambou em meio ao público e até se arriscou a tocar tamborim na companhia dos ritmistas da escola do Morro do Borel. Simpática, a cantora também atendeu a pedidos de fotos com fãs.

Apesar de ainda haver uma grande indefinição sobre o Carnaval 2021 por causa da pandemia, a Unidos da Tijuca levará para a Avenida no próximo ano a lenda do guaraná, com o enredo “Waranã – A Reexistência Vermelha”. A data do desfile das escolas de samba do Grupo Especial do Rio ainda não foi definida. O que se sabe até agora, de acordo com determinação da Liesa, a Liga das Escolas de Samba do Rio, é que não serão realizados em fevereiro, nos tradicionais dias da folia.