• 13 de janeiro de 2022 às 13:29h, atualizado em 13 de janeiro de 2022 às 13:29h às 13:56h
  • Clara Oliveira

As cortinas por trás do mundo da música escondem muitos desafetos… Em entrevista ao podcast Bulldog Show, Latino voltou a mencionar seu ressentimento em relação à Anitta. Pra quem não tá por dentro do que rolou, é o seguinte: durante uma festa na casa da cantora, com a presença de vários produtores estrangeiros, Latino, que foi ao evento à convite de Nego do Borel, ouviu uma conversa da dona do hit “Girl From Rio” com um deles, com quem chegou a interagir na social.

Ao explicar “quem era” o cantor para um dos gringos, Anitta o definiu como um artista old school [moda antiga], que havia sido muito famoso e estava, naquele momento, “quebrado”, conforme relembrou Latino. Ele contou, ainda, que a anfitriã disse ao produtor que ele estava, inclusive, tentando se aproximar dela na tentativa de firmar alguma parceria…

“Ela achou que eu não estava entendendo o que ela tava falando [em inglês], e falou isso de forma muito convincente”, explicou o compositor de “Exxquece”, que na ocasião se sentiu humilhado e foi pra dentro de seu carro chorar.

“Comecei a chorar de raiva pelo comportamento dela, que é uma pessoa que naquela época eu ajudei, mesmo que minha fatia tenha sido pequena. Eu liguei pro Sérgio Affonso [presidente da Warner Music Brasil], falando que ela era uma menina talentosa, que estava vindo da Furacão 2000 e que eu tinha certeza de que seria um fenômeno. Eu gostava do produto Anitta, sempre achei maravilhoso. E continuo gostando, não mudou nada na minha cabeça”, declarou Latino, que revelou nunca ter recebido um pedido de desculpas.

Por fim, ele contou que continua a admirando como artista, mas como pessoa, “teve um desvio de caráter muito grande”:

“Eu não tenho nada contra a artista, acho legal, tem público pra isso, mas o ser humano é outra coisa. Teve um desvio de caráter muito grande nesse aspecto. Eu fiquei muito magoado, ela conseguiu me deixar mal. É tanta ingratidão, que a vontade que eu tinha era de arrebentar ela na porrada, mas eu não sou um cara agressivo”.