• Geizon Paulo

Marina Liberato com o pai, o apresentador Gugu, que morreu em 2019. (Reprodução/Instagram)

O amor por trabalhar na televisão, pelo visto, passou de pai para filha no caso de Gugu Liberato. Marina Liberato, filha do apresentador, morto em 2019, revelou em seu Instagram que gostaria de seguir os passos do pai e fazer parte do mundo mágico da TV. A adolescente, de 17 anos, deu a declaração durante a brincadeira “Verdade ou Mentira”, que vem tomando conta da rede social nos últimos dias.

“Já pensou em entrar para a TV Igual ao seu pai?”, perguntou um seguidor de Marina, que confirmou o desejo de atuar na TV. Mas engana-se quem pensa que o sonho da adolescente é comandar um programa como fazia Gugu. Ela não quer ser apresentadora, não. Ao que tudo indica, Marina quer mesmo é trabalhar nos bastidores, quem sabe até dirigindo algum projeto na telinha. Vale lembrar que o pai dela começou na carreira como produtor do programa “Domingo no Parque”, comandado por Silvio Santos. Pouco tempo depois, ele viria estrear seu próprio programa no SBT.

Gugu Liberato morreu em 22 de novembro de 2019, aos 60 anos, após cair de aproximadamente quatro metros de altura na casa onde morava nos Estados Unidos. Ele havia ido ao sótão fazer um reparo no ar condicionado quando o chão cedeu. Apesar de ter sido socorrido, o apresentador não resistiu. Ele teve morte cerebral detectada e boa parte de seus órgãos foram doados.

Marina publicou mensagem revelando desejo de seguir os passos do pai na TV, mas não como apresentadora. (Reprodução/Instagram)