• Antônio Jordão
DVD Ferrugem

Foto: Bruno Henrique

Acaba de chegar o grande projeto do cantor Ferrugem para 2019: O DVD “Chão de Estrelas”. A escolha do nome se deu pela proximidade e carinho com os fãs que o artista enxerga como “estrelas”. O álbum foi gravado na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro.

“Nesse Embalo” foi o primeiro single a ser lançado. O segundo, chegou com exclusividade da Rádio FM O Dia e se chama “Até Que Enfim“. Por sinal, a emissora já colocou em sua programação outras músicas do DVD, como “Só De Olhar”, “Distante do seu Mundo”, “Pra Não Dar Bandeira” e um pout-pourri de respeito com o Tiee, composto por “Fortaleza”, “Tempo” e “Lugarzinho”. Todas essas canções são regravações. 

Esse DVD já é o segundo da carreira do cantor, que ganhou o Brasil com o disco “Prazer, Eu Sou Ferrugem”. Com 560 metros quadrados de palco e 470 metros de painel LED, o novo trabalho do artista contou com mais de 1.200 metros de estrutura e recebeu mais de 16 mil pessoas.

O primeiro show de lançamento vai rolar em Belo Horizonte, no dia 10 de agosto. Com um total de 24 faixas, o disco foi produzido por Lincoln Lima, que também é o cavaquinista do Ferrugem.

O DVD contou com participações de: Ivete SangaloLéo SantanaZé Neto & CristianoLucas LuccoBeloReinaldo e Tiee. Ainda teve a participação de um coral em uma das canções, além da presença de seis dançarinos no corpo cênico. “Chão de Estrelas” nomeia, além do DVD, uma das músicas do projeto, assim como aconteceu no último álbum. 

Para Ferrugem, a gravação foi única e muito importante:

“Foi um momento muito especial poder gravar este novo trabalho, nos empenhamos muito para que tudo saísse lindo paro os meus fãs. Poder fazer parcerias com amigos tão talentosos foi uma grande realização. Espero que todos curtam o resultado final”, disse.

Com apenas 30 anos, Ferrugem é um dos maiores nomes do pagode/samba do país e explodiu no país com os álbuns “Climatizar” (2015), “Seja o que Deus Quiser” (2017) e, o mais recente, “Prazer, Eu Sou Ferrugem” (2018). O artista foi indicado, em 2018, ao Grammy Latino como “Melhor Álbum de Samba/Pagode”. Tal evento realiza anualmente a entrega do principal prêmio de música latina do mundo. Grandes nomes como Chico Buarque, Elza Soares e J Balvin estavam na lista de indicações no ano passado, ao lado do cantor.