• Geizon Paulo

Ao lado de Xandynho Ramos e Maique, Ferrugem comemora produção musical do novo álbum do Manda V, grupo do qual fez parte. (Reprodução/Instagram)

O tempo longe dos palcos por causa da pandemia do novo coronavírus tem sido bastante produtivo para o cantor Ferrugem. Além de trabalhar em seu novo álbum, de colaborar com outros artistas como Haikass e Carol Csan, e de se arriscar na produção de trap, o pagodeiro, agora, decidiu atacar de produtor musical em um projeto que tem um gosto especial para o dono do hit “Atrasadinha”: ele está produzindo o novo álbum do Manda V, grupo do qual Ferrugem fez parte antes de seguir carreira solo.

“Tá sendo uma honra participar desse processo, desse passo importante, do trabalho dos caras. Pra quem não sabe, fiz parte do Manda V durante muito tempo. Foi uma grande escola pra mim, no qual eu pude tocar em palcos de verdade, cantar ouvindo o som de verdade, tudo mais profissional, uma banda boa… Foi através do Manda V que eu conheci isso”, contou Ferrugem.

O cantor revelou ainda ser muito grato aos antigos parceiros. “Tenho uma grande gratidão por todos eles. O Maique é um cara que me ensinou muito sobre música, sou muito grato”, disse ele.

O repertório do novo álbum já foi escolhido, e uma das músicas, “Deus que me deu”, vai contar com a participação de Ferrugem. Um trechinho dela foi publicada nas redes sociais do grupo.