• vanessavense

 

Quem não gosta do Marcelo Falcão, é um ser sem noção, né não? Dono de letras mega fortes e que condizem com a realidade de muita gente e, principalmente a do país, Falcão mostrou que sua personalidade é firme e sensata dentro e fora da música, durante entrevista exclusiva para o canal Holofote.

Ele revelou que fala sobre qualquer assunto. “Eu só desvio, fujo ou faço o ‘Forrest Gump’ com assuntos ‘bad vibes’, tirando isso, sou capaz de conversar sobre qualquer coisa”, falou ele.

Levando em consideração o caos, confusão e gritaria que o país tem passado nos últimos anos e também durante a pandemia, Falcão brincou dizendo que até assumiria o personagem de Lima Duarte, só para poder salvar a pátria. “Juntaria o bonde para o partido Marcelo Falcão, da música”, descontraiu ele.

Numa vibe mais séria, Falcão comentou: “Não me meto em política. Sou um crítico com a visão de que quem manda bem em algum setor político, que é muito raro de se ver, porque poucos projetos do bem são aprovados, sou um mais espectador e crítico para que tudo melhore. Devemos ter esperança, mas ainda estamos procurando por ela”, esclareceu.