• Antônio Jordão

A ex-namorada do cantor Gabriel Diniz, morto em um acidente aéreo há pouco mais de um ano, revelou estar sofrendo perseguição e até ameaças de morte de um fã do ex-companheiro. Em vídeos publicados em seu perfil no Instagram, Karoline Calheiros se mostrou irritada com as investidas do fã, que realiza ataques diários a ela nas redes sociais.

Eu não queria expor isso e dar atenção, mas já está passando dos limites e é bem delicado. Desde que Gabriel faleceu, tem uma pessoa que me odeia. Ele me perturba todos os dias, perturba meus amigos, diz que eu sou a culpada pela morte de Gabriel, estou até me tremendo de raiva aqui. Acontece todos os dias desde que Gabriel faleceu”, contou Karoline.

A perseguição parece beirar a paranoia, segundo a ex-namorada do cantor. “Ele cria histórias de que sou brigada com a família de Gabriel, de que apaguei minha tatuagem… Eu não devo satisfação da minha vida para ninguém, mas não tem nada disso. É uma pessoa perturbada, mal-amada e que me ameaça de morte todos os dias”, disse Karoline, que revela já ter acionado a polícia para que possam ser tomadas medidas legais contra o homem que a ameaça.

O fã ainda teria criado mais de 100 perfis fakes para deixar mensagens nas publicações de Karoline, o que a obrigou a desativar os comentários em seu perfil nas redes sociais. “É muito incômodo. Ele é vidrado na minha vida.”, disse.

Karoline e Gabriel se conheceram em 2016 e logo começaram a namorar. Os dois não chegaram a oficializar o noivado, mas planejavam se casar, e o local da cerimônia já havia sido escolhido: Fernando de Noronha. Mas, todos os planos e sonhos chegaram ao fim com a trágica morte do artista em 27 de maio de 2019, dia do aniversário de Karoline. O avião que transportava Gabriel caiu na cidade de Estância, ao sul de Sergipe, vitimando não apenas o cantor, mas também o piloto Abraão Farias e do copiloto Linaldo Rodrigues.