Quebrou o silêncio! Por meio do Instagram, nesta sexta-feira (5), DJ Ivis se pronunciou, pela primeira vez desde que deixou a prisão. O artista passou 4 meses detido, acusado de agredir a ex-mulher, Pamella Holanda. À época, a influenciadora compartilhou uma série de vídeos em que aparece sendo atacada com socos, chutes e tapas, e o caso repercutiu nacionalmente.

“Por muitas vezes eu disse que começo a produzir pelo refrão. Hoje, trago este pensamento para minha vida, quero recomeçar a partir de onde me perdi. Não é possível apagar o passado. Sei que errei. Mas também sei que posso ser uma pessoa melhor”, iniciou o produtor.

Em seguida, o DJ destacou a importância de acompanhamento profissional no processo durante o período que precisou rever seus atos:

“É muito difícil entender um erro no calor do momento, mas quando se tem o tempo que tive para repensar é tudo muito diferente. Sou um ser humano que deseja ser melhor. E que não vai poupar esforços para conseguir. Aprendi a importância de ter um acompanhamento profissional para me entender melhor. Acreditem, isso faz total diferença”.

Por fim, o pai de Mel, que completou um ano em outubro, mencionou a filha, dizendo que espera que a menina sinta orgulho dele futuramente.

“Quero poder olhar para minha filha, quero que ela tenha orgulho da transformação do pai. É Hora de seguir e recomeçar a vida daqui. Tenho cumprido todas as determinações judiciais e assim seguirei. Minha filha merece ser protegida, amparada e amada”.