Imprevistos fazem parte da vida de todo mundo, e na correria entre um palco e outro, nem Dilsinho escapa! Em entrevista ao podcast Holofote, o cantor relembrou um episódio em que ele e o amigo, Léo Santana, se atrasaram pra um show. Na época, os dois dividiam o avião do baiano.

“A gente fazia os shows nos mesmos lugares. Eu tocava, ele tocava e a gente trocava. Aí a gente falou ‘ah, vamo colocar o mesmo avião porque não vai acontecer nada’”.

Como o universo sempre surpreende… aconteceu.

“O Léo atrasou um pouco. Só que o outro evento era dele. O outro evento era o baile da santinha”, contou Dilsinho.

Além disso, o artista explicou que um dos contratantes tinha pedido um show maior e, pela logística, houve o atraso.

“Ai cê não tem o que fazer. Cê chega atrasadão e o cara entende. O público que às vezes não entende essa logística e cara, a gente tem que realmente se cobrar muito, se organizar muito, pra não deixar a desejar”.

O pagodeiro declarou, ainda, que, infelizmente, todos os profissionais do mercado da música correm riscos como esse.

“Diminuir o tempo de show porque você tem outro show é uma falta de respeito com a pessoa que tá pagando ingresso pra te ver”.

“Você não se entrega 100%. A gente tá ali sempre correndo risco de acontecer alguma coisa”, finalizou.