• 08 de fevereiro de 2022 às 16:42h
  • Clara Oliveira

Mais uma semana, mais um “Jogo da Discórdia” no BBB 22 e, consequentemente, mais um show de DRs… A segunda-feira (7) na casa mais vigiada do Brasil foi daquelas! Na dinâmica, os participantes precisavam colocar, pelo menos, duas plaquinhas com adjetivos na testa de um ou dois brothers.

As opções eram: “Esconde o Jogo”, “Planta”, “Fingido”, “Fala Por Trás”, “Duas Caras”, “Em Cima do Muro”, “Ardiloso”, “Sonso”, “Joga Sujo” e “Influenciável”. Os recordistas da dinâmica foram Arthur Aguiar e Douglas Silva, emparedados da semana, que receberam 9 e 11 placas, respectivamente. Após o jogo, Arthur, que recebeu “Joga Sujo” de Pedro Scooby, foi conversar com o amigo.

“Talvez você leve de uma maneira mais leve. [Colocar] ‘jogar sujo’ em alguém que está junto com você, mano, é muito pesado. É errado”, iniciou o marido de Mayra Cardi.

O surfista, por sua vez, começou a se defender:

“É errado, porém, é a forma que eu acho que você fez errado. Você jogou sujo. Quando eu falei pro Rodrigo ele entendeu […] Eu conversei com a sua mulher, e achei bonito pra c****** quando vocês voltaram. Também ouvi sua música, maneira. Você assumiu o seu erro e disse que estava disposto a construir uma nova história, isso é atitude de homem”.

Em seguida, o ex de Anitta pontuou: “Desde que o DG te trouxe pra gente, a gente estava disposto a conversar sobre qualquer parada. Eu esperava, no mínimo, que você tivesse atitudes de quem estava aprendendo“.

“Mas eu assumi que errei”, rebateu Arthur.

“Achei que você começou a esquecer dos princípios, como a parada da água que acabou. E a outra parada foi que a gente não queria conversar sobre jogo e você quis colocar na nossa cabeça que a gente tinha que montar estratégia”, argumentou Scooby, relembrando o assunto da água, comentado durante o jogo da discórdia. Em seguida, o surfista continuou:

“Eu acho que você, mais uma vez, tem uma oportunidade de refletir sobre as coisas que aconteceram. Pô, achava maneiro você nas festas com todo mundo, só que chegava uma hora que você deixava de novo a agonia e o medo que você tinha de ir pro paredão suprir. (…) Eu acho que você não fez pior que ele [Rodrigo], mas acho que você foi pelo mesmo caminho”.