• Geizon Paulo

Alok foi eleito o 5º melhor DJ do mundo pela revista DJ MAG, que a cada ano elege os 100 melhores DJs do mundo. (Reprodução/Instagram)

Apesar de toda a confusão que 2020 tem sido por causa do coronavírus, Alok não tem do que reclamar. O DJ – que, este ano, viu o primeiro filho nascer, fez uma live histórica em seu apartamento no início da pandemia, descobriu que será pai novamente e vem realizando um show de luzes em várias cidades para anunciar sua próxima live – foi eleito o quinto melhor do mundo. O título foi concedido pela revista DJ MAG, a mais conceituada publicação da cena eletrônica, que anualmente elege os 100 Top DJs em escala global.

Com a conquista, Alok subiu seis posições no ranking dos melhores DJ do mundo. Em 2019, ele tinha conquistado o 11º lugar, até então, sua melhor colocação desde que estreou na lista em 2015, no 44º lugar. Desta vez, o brasileiro superou nomes como Tiesto, The Chainsmokers, Marshmello, Skrillex e Calvin Harris, ficando atrás apenas de Armin Van Buuren, Martin Garrix, do duo Dimitri Vegas & Like Mine, e David Guetta, que reassumiu a primeira colocação.

Alok comentou a conquista com publicações nas redes sociais, e aproveitou para agradecer à sua equipe, família e aos fãs. “Me sinto extremamente honrado em ecoar o nome do nosso país com essa conquista. Ao longo do tempo aprendi que não só nosso trabalho, mas nossas reais intenções nos levam adiante. A contribuição de pessoas a minha volta é essencial e saber reconhecer o esforço de cada um para cada conquista é necessário. Aos fãs, meu muito obrigado, reconheço os esforços diários de todos vocês. Essa conquista me enche de amor por todo o caminho percorrido. Espero que ela desperte nas pessoas, o que desperta em mim: a vontade de contribuir positivamente impactando o próximo de alguma maneira. Quero agradecer a todos vocês que me acompanharam até aqui deixando um convite para seguirmos juntos nesta jornada”, disse o DJ.

Agora, a grande dúvida é se o DJ vai cumprir a promessa feita, caso superasse a marca do ano passado: tirar o bigode, que já virou sua marca registrada. Para quem não lembra, em junho, ao participar do extinto ‘Programa da Maisa’, no SBT, o Alok prometeu raspar o bigode, se na eleição de 2020 não tivesse um desempenho melhor que o obtido em 2019.

Ver essa foto no Instagram

Ao longo do tempo aprendi que não só nosso trabalho, mas nossas reais intenções nos levam adiante. A contribuição de pessoas a minha volta é essencial e saber reconhecer o esforço de cada um para cada conquista é necessário. Aos fãs e a tropa, meu muito obrigado, reconheço os esforços diários de todos vocês. Sem vocês, nada seria possível! Essa conquista me enche de amor por todo o caminho percorrido. Espero que ela desperte nas pessoas, o que desperta em mim: a vontade de contribuir positivamente impactando o próximo de alguma maneira. Quero agradecer a todos vocês que me acompanharam até aqui deixando um convite para seguirmos juntos nesta jornada. É o amor pela caminha que impulsiona os nossos sonhos. MUITO OBRIGADO! Essa conquista é nossa: #5 🇧🇷 @djmagofficial [Deslize para ver o vídeo] Over time I learned that not only our work but our real intentions take us forward. The contribution of people around me is essential and knowing how to recognize each one's effort for each achievement is necessary. To the fans, thank you very much, I acknowledge the daily efforts of all of you, including you “tropa”. This achievement fills me with love for all that we have gone so far. I hope it awakens in people, what it awakens in me: the willingness to contribute positively to others in some way. I want to thank all of you who have accompanied me until here and I invite you to continue on this journey together. Foto: @gil_inoue para @gqbrasil Vídeo: @gabrieltwa @sergiotwa Motion: @budjubas Styling: @rodrigopolack

Uma publicação compartilhada por Alok (@alok) em