• Geizon Paulo

Após ser acusada de transfobia por comentário em live, Marília Mendonça reconheceu o erro e pediu desculpas (Foto: Reprodução/Internet)

Marília Mendonça usou as redes sociais nesta segunda-feira (10) para se desculpar por um comentário que ela fez no sábado, durante a transmissão da live ‘Lado B’. Em um determinado momento do show online, a cantora parou para conversar com a banda e acabou rindo ao insinuar que um dos músicos teria ficado com uma mulher trans em uma boate de Goiânia que já não existe mais, chamada Diesel.

“Disse que lá foi o lugar em que ele beijou a mulher mais bonita da vida dele. É só isso. O contexto vocês não vão saber”, disse Marília, aos risos, sem revelar muitos detalhes da história. No entanto, tanto a cantora como os integrantes da banda deram a entender que a mulher em questão seria transexual, fato reforçado pelo músico que disse: “Era mulher mesmo, porra!”.

Imediatamente, o comentário gerou reações negativas, impulsionadas pela publicação, no domingo, de um vídeo da transexual Bruna Andrade, criticando a postura de Marília, de quem é fã. “Eles estavam debochando do amigo que ficou com uma menina trans. Quando eu terminei de ver isso eu fiquei me perguntando ‘qual é a graça de um cara cis se relacionar com uma mina trans? (…) Foi muito duro para mim ver a minha musa falar que qualquer cara que demonstre afeto por mim é chacota. Ou seja, eu sou a chacota? Eu não sou digna de ser amada, de receber carinho? Eu não sou digna de ter um relacionamento? Todo relacionamento que eu tiver vai ser piadinha?”, questionou Bruna.

A transexual ainda comentou que atitudes transfóbicas, como a de Marília na live, são sutis e podem ter desdobramentos mais graves, como violência e até assassinato de pessoas trans. “Esse caso mostra explicitamente como a transfobia age. Nem sempre essa transfobia é violenta ou aparente. Às vezes, ela é muito sutil. Porque teve muita gente que viu o vídeo e não achou nada demais”, disse Bruna.

Após a grande repercussão, que levou o assunto a ser um dos mais comentados nesta segunda-feira, Marília se desculpou pela atitude com uma mensagem nas redes sociais, reconhecendo o erro e dizendo que pretende melhorar com ele. “Pessoal, aceito que fui errada e que preciso melhorar. Mil perdões. De todo o coração. Aprenderei com meus erros. Não me justificarei”, escreveu.

Veja o vídeo em que a transexual Bruna Andrade explica a transfobia no comentário de Marília Mendonça: