Solteirão
Tiee


Letra

Solteirão
(Diogenes Ferreira De Carvalho / Peu Cavalcante)

Não da mais pra ficar nessa situação Chorar por chorar melhor é solteirão Vou beber vou fumar pra mudar meu padrão Que não te agradou, vambora Eu bebi Guaraná, tatuei bem grandão Seu nome no braço E botei na sua mão um anel de casar O meu coração e nada disso adiantou Não faz sentido algum Me tratar desse jeito Só pontuando os meus defeitos Baixando o nível e me agredindo sem razão Por ser mero mortal eu vacilo também Não sou super herói mas sou mega do bem Nessa queda de braço você é de aço e não tem pra ninguém, vambora Vivendo no pavor desse absurdo a chapa sempre quente Dormindo no sofá e te assistindo a cada dia mais de outra lente Cansei de me fazer de mudo, de surdo e de demente Tentando restaurar a rachadura emocional que balançou a gente Não da mais pra ficar nessa situação Chorar por chorar melhor é solteirão Vou beber vou fumar pra mudar meu padrão Que não te agradou Eu bebi Guaraná, tatuei bem grandão Seu nome no braço E botei na sua mão um anel de casar O meu coração e nada disso adiantou Não faz sentido algum (não faz sentido algum) Me tratar desse jeito Só pontuando os meus defeitos Baixando o nível e me agredindo sem razão Por ser mero mortal eu vacilo também Não sou super herói mas sou mega do bem Nessa queda de braço você é de aço e não tem pra ninguém Vivendo no pavor desse absurdo a chapa sempre quente Dormindo no sofá, te assistindo a cada dia mais de outra lente Cansei de me fazer de mudo, de surdo e de demente Tentando restaurar a rachadura emocional que balançou a gente, em cima Não da mais pra ficar nessa situação Chorar por chorar melhor é solteirão Vou beber vou fumar pra mudar meu padrão Que não te agradou Eu bebi Guaraná, tatuei bem grandão Seu nome no braço E botei na sua mão um anel de casar O meu coração e nada disso adiantou Não da mais pra ficar nessa situação Chorar por chorar melhor é solteirão Vou beber vou fumar pra mudar meu padrão Que não te agradou, padrão que não te agradou Eu bebi Guaraná, tatuei bem grandão Seu nome no braço E botei na sua mão um anel de casar O meu coração e nada disso adiantou, solteirão



mais acessadas