Ninguém Ama
Péricles


Letra

Ninguém Ama
(Douglas Lacerda/ Marquinhos de Moraes)

Não dá pra forçar Os nossos gênios são assim tão diferentes Você recua e eu penso em ir pra frente Parece um cabo de guerra pra um só ganhar Não dá pra forçar As brigas entram pra debaixo do tapete Chamar de amor virou apenas um enfeite Em frase vazias só pra se falar Pra não ficar secando gelo E tudo continuar o mesmo Esse é o melhor a se fazer A gente se esquecer Olha a nossa vida Não sobrou amor nem dentro, nem fora da cama Essa nossa história tá falida, ninguém ama Ninguém ama, ninguém ama É a despedida O que era romance acabou virando drama Essa nossa história tá falida, ninguém ama Ninguém ama, ninguém ama mais Desejo um novo amor na sua vida Já que o nosso não tem mais saída Não dá pra forçar



mais acessadas