Moro Lá
Renato da Rocinha


Letra

Moro Lá
(Renato da Rocinha)

Moro lá Depois do final da linha Minha casa é quarto, sala, banheiro e cozinha Não tem condomínio Nem pago aluguel Lá sou negro rei Minha nega é rainha A comunidade se amarra na minha Sou considerado amigo, irmão (É por isso que eu) Moro lá Depois do final da linha Minha casa é quarto, sala, banheiro e cozinha Não tem condomínio Nem pago aluguel Lá sou negro rei Minha nega é rainha A comunidade se amarra na minha Sou considerado amigo, irmão (Olha o breque) É lá na esquina Depois do boteco do china Que a rapaziada fica de butuca E muito ligada na situação A porta está sempre aberta pra quem chega E tudo que tem é exposto na mesa Casa de malandro não entra ladrão, não, não Casa de malandro! Casa de malandro! Casa de malandro não entra ladrão, não, não Casa de malandro não entra ladrão (É por isso que eu) É por isso que eu moro lá



mais acessadas