Dúvida Cruel
Dilsinho


Letra

Dúvida Cruel
(Pedro Felipe Reis Amaro e Dilson Scher)

'Tô em casa me sentindo mal, já são onze e tal E ainda nem peguei no sono, nem peguei no sono Uma dúvida cruel, insonia Não sei se durmo ou se telefono Ou se te telefono Eu te amei demais Nosso tempo já passou, e agora eu 'to com ela Eu gosto dela, mas penso em você Resolvi seguir meu coração e agora eu 'to com ela Eu gosto dela, mas penso em você Então me diz, por que que eu 'tô pensando em você? Se eu gosto dela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu 'tô com ela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu gosto dela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu 'tô com ela Uma dúvida cruel, insonia Não sei se durmo ou se telefono Ou se te telefono Eu te amei demais Nosso tempo já passou, e agora eu 'to com ela Eu gosto dela, mas penso em você Resolvi seguir meu coração e agora eu 'to com ela Eu gosto dela, mas penso em você Então me diz, por que que eu 'tô pensando em você? Se eu gosto dela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu 'tô com ela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu gosto dela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu 'tô com ela Por que, que eu 'tô pensando em você? Se eu gosto dela Por que, que eu 'tô pensando em você? 'Tô em casa me sentindo mal e ainda nem peguei no sono



mais acessadas