Logo de Manhã
Péricles


Letra

Logo de Manhã
(Péricles)

Logo de manhã De manhã, de manhã Logo de manhã De manhã, de manhã Teu corpo já procura o meu prazer Logo de manhã De manhã, de manhã Renovo o meu desejo por você O amor que nos invade noite a dentro É um rio que desagua no lençol É um risco que extravasa o sentimento Um brilho que reflete a luz do sol E a gente num cenário bagunçado E as roupas espalhadas pelo chão E o fogo adormece embrasado Querendo mais um pouco de emoção E o sono recarrega o gás E uma noite só não satisfaz E o teu sorriso é luz do dia Me acorda com um beijo e pede mais E uma noite só não satisfaz E o teu sorriso é luz do dia Me acorda com um beijo e pede mais Logo de manhã De manhã, de manhã Logo de manhã De manhã, de manhã Teu corpo já procura o meu prazer Logo de manhã De manhã, de manhã Logo de manhã De manhã, de manhã Renova o meu desejo por você O amor que nos invade noite a dentro É um rio que desagua no lençol É um risco que extravasa o sentimento Um brilho que reflete a luz do sol E a gente num cenário bagunçado E as roupas espalhadas pelo chão E o fogo adormece embrasado Querendo mais um pouco de emoção E o sono recarrega o gás E uma noite só não satisfaz E o teu sorriso é luz do dia Me acorda com um beijo e pede mais E uma noite só não satisfaz E o teu sorriso é luz do dia Me acorda com um beijo e pede mais E uma noite só não satisfaz E o teu sorriso é luz do dia Me acorda com um beijo e pede mais Logo de manhã De manhã, de manhã Logo de manhã De manhã, de manhã Teu corpo já procura o meu prazer Logo de manhã De manhã, de manhã Logo de manhã De manhã, de manhã Renova o meu desejo por você Logo de manhã De manhã, de manhã Logo de manhã De manhã, de manhã



mais acessadas