Pesquise pelo campo de busca!

Alcione

Músicas: 205
Álbuns: 9
Acessos: 353.530
Site: http://www.alcioneamarrom.com.br/





Eterna alegria ao vivo

Lançamento: 2014 Faixas: 16

Acesa

Lançamento: 2008 Faixas: 14

Raridades

Lançamento: 2007 Faixas: 14

Uma Nova Paixão

Lançamento: 2006 Faixas: 16

Alcione - Ao Vivo

Lançamento: 2005 Faixas: 15

A Paixão Tem Memória

Lançamento: 2001 Faixas: 14

Fruto e Raiz

Lançamento: 2001 Faixas: 13

Nos Bares da Vida: ao Vivo

Lançamento: 2000 Faixas: 21

As Melhor da Alcione

Lançamento: 1998 Faixas: 14

Celebração

Lançamento: 1998 Faixas: 20

Millennium: Alcione

Lançamento: 1998 Faixas: 20

Faz uma Loucura por Mim - Ao Vivo

Lançamento: 1986 Faixas: 19
  • 11. Sentimental Eu Fico
  • 12. Trocando em Miúdos
  • 13. Mais um Barco
  • 14. Beyond the Sea (La Mer)
  • 15. Qualquer Dia Desses / Meu Vício é Você
  • 16. Não Tem Saída
  • 17. Você Me Vira a Cabeça (Me Tira do Sério)
  • 18. Pout-Pourri da Mangueira
  • 19. Pout-Pourri Carnaval no Rio

A Voz do Samba

Lançamento: 1975 Faixas: 9
Alcione Dias Nazareth é uma cantora, instrumentista e compositora brasileira.

Alcione detém um invejável currículo que inclui as melhores casas noturnas do eixo Rio/SP, como Canecão, Imperator, Palace e Memorial da América Latina, entre outras temporadas populares realizadas através do Projeto Seis e Meia do Teatro João Caetano (que inaugurou ao lado de Paulo Moura na década de 1970) e Teatro Carlos Gomes (onde foi recordista de público). Além de apresentações em vários continentes, num total de 22 países, entre Europa, África, Leste Europeu, Oriente Médio e, claro, todas as Américas.

No ano de 2003, a cantora foi agraciada com Grammy Latino na categoria de melhor Álbum de samba.

Recebeu da Academia Brasileira de Letras o Prêmio de Melhor Cantora Popular, além de receber o Prêmio TIM de Música como melhor Cantora de Samba. Participou do CD "Duetos", de Neguinho da Beija-Flor, disco no qual interpretou, com o anfitrião, a música "Recomeço".

Foi homenageada pela Escola de Samba Unidos da Ponte do grupo especial do Rio de Janeiro, com o enredo ‘’Marrom Da Cor do Samba’’. Lançou o disco ‘’Brasil de Oliveira da Silva do Samba’’, no qual consta ‘’Tô Com Saudade’’ (Augusto César e Carlos Colla), ‘’FlaXFlu’’ (Arlindo Cruz e Franco), ‘’Asas de Carcará’’ (Gerude e Augusto Tampinha) e ‘’Onde o Rio é Mais Baiano’’, com participação do compositor, Caetano Veloso.

Ao longo de sua carreira, foi premiada com 21 discos de ouro, 5 de platina e um duplo de platina. Em sua galeria de troféus - com cerca de 350 peças - possui títulos e honrarias que poucos artistas conseguiram obter ao longo de suas carreiras, tais como: Ordem do Rio Branco (a mais alta comenda do Brasil), a Medalha Pedro Ernesto (concedida pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro), a Medalha do Mérito Timbira (a maior comenda concedida pelo estado do Maranhão), foi escolhida como embaixadora do turismo do estado do Rio de Janeiro e do estado do Maranhão. E a emoção maior de apresentar-se para 500 mil pessoas em São Luis do Maranhão, quando foi convidada pela Paróquia da Ilha de São Luis para saudar o sumo pontífice com músicas como João de Deus, feita especialmente para a visita do Papa ao Brasil.

Alcione nasceu em São Luís do Maranhão no dia 21 de Novembro de 1947. O nome de batismo foi ideia do pai, inspirado na personagem Alcione, a principal de um livro chamado ‘’Renúncia’’. Ela é quarta dos nove irmãos: Wilson, João Carlos, Ubiratan, Alcione, Ribamar, Jofel, Ivone, Maria Helena e Solange. Desde pequena, graças ao pai policial e integrante da banda de sua corporação, João Carlos Dias Nazareth, inserida no meio musical maranhense, Alcione fez sua primeira apresentação já aos doze anos.

O pai, João Carlos Dias Nazareth, foi mestre da banda da Polícia Militar de São Luís e professor de música. Além disso, foi compositor e eterno apaixonado pelo bumba-meu-boi, folguedo típico da capital maranhense. Foi ele quem lhe ensinou, ainda cedo, a tocar diversos instrumentos de sopro, como o clarinete que começou a praticar aos 9 anos. Com essa idade, tocava e cantava em festas de amigos e familiares, e na ‘’Queimação de Palhinha’’ da festa do Divino Espírito Santo.

Sua mãe, Felipa Teles Rodrigues, entretanto, guardava o desejo de que a filha aprendesse a tocar acordeão ou piano. Não queria que Alcione aprendesse a tocar instrumentos de sopro temendo que a filha ficasse tuberculosa, mito comum na época. Sua primeira apresentação profissional foi aos 12 anos, na Orquestra Jazz Guarani, regida por seu pai. Certa noite, o crooner da orquestra ficou rouco, sendo substituído pela menina. Na ocasião, cantou com sucesso a música Pombinha Branca e o fado Ai, Mouraria.

Formou-se como professora primária na Escola de Curso Normal. Lecionou por dois anos e continuou a dedicar-se à música, tendo apresentado-se na TV do Maranhão nos anos de 1965 e 1966.

Alcione se mudou para o Rio de Janeiro em 1976, trabalhando na TV Excelsior. Começou cantando na noite, levada pelo cantor Everardo. Ensaiava no Little Club, boate situada no conhecido Beco das Garrafas, reduto histórico do nascimento da bossa nova, em Copacabana. Cantou também em boates como Barroco, Bacarat, Holiday e Bolero.

Destacou-se ao vencer as duas primeiras eliminatórias do programa ‘’A Grande Chance’’, de Flávio Cavalcanti. Nessa mesma época, assinou o primeiro contrato profissional com a TV Excelsior, apresentando-se no programa ‘’Sendas do Sucesso’’. Depois de seis meses na emissora, realizou turnê por quarto meses pela América Latina.

Após ter feito excursão por países da América do Sul, morou na Europa por dois anos. Voltou ao Brasil em 1972 e três anos depois ganhou o primeiro disco de ouro através do primeiro LP, A voz do samba (1975).

"Não Deixe O Samba Morrer" quando começou a ser executada nas rádios do país, permaneceu 22 semanas em primeiro lugar nas paradas de sucesso.

Em 2007 Alcione interpretou a cantora americana Lady Brown, na minissérie Amazônia, de Galvez a Chico Mendes, na Rede Globo.

Artistas mais Acessados

Nosso Estilo 2.247.648
Pagodeô 1.866.251
Swing & Simpatia 1.840.707
Pra Valer 1.667.625
Disfarce 1.308.211
Zeca Pagodinho 1.129.966
Jorge & Mateus 925.227
Sorriso Maroto 916.947
Fundo de Quintal 782.268
10º Thiago Servo 741.376


Playlist